Recém-nascido é encontrado em matagal na cidade de Milagres – BA, mãe foi presa em flagrante.

Um recém-nascido foi encontrado em um matagal nesta segunda-feira (12), na cidade de Milagres, a cerca de 245 km de Salvador. De acordo com o delegado da cidade, Thiago Costa, a criança estava enrolada em um saco plástico, com a placenta e o cordão umbilical. Até a tarde desta segunda, a mãe da criança não havia sido localizada.

Bebê quando foi resgatado nesta segunda-feira (12) — Foto: Arquivo pessoal

Nós já falamos com a pessoa que encontrou o bebê. Ele ouviu o choro forte no matagal, chamou outros moradores e levou a criança para o hospital com vida. O nome da cidade é sugestivo, Milagres“, disse o delegado.

A mãe do recém-nascido encontrado em um matagal na segunda-feira (12), na cidade de Milagres, a cerca de 245 km de Salvador, foi presa em flagrante na madrugada desta terça (13). De acordo com o delegado da cidade, Thiago Costa, a mulher, que tem 26 anos, deu várias versões sobre o motivo do abandono.

O bebê, que é um menino, foi encontrado por um homem, que passava pelo local e ouviu o choro alto. O recém-nascido estava enrolado em um saco plástico, ainda com placenta e o cordão umbilical. O corpo estava sujo de fezes e tinha queimaduras devido à exposição ao sol.

Segundo Thiago Costa, a mulher foi presa após a polícia conseguir encontrar o cunhado dela, mototaxista que ajudou na fuga. O homem, que segundo a polícia, é suspeito de ser pai da criança, contou o local em que deixou a mãe do bebê.

Ela disse primeiro que fez isso porque não tinha condições financeiras e estruturais de cuidar do filho. Mas depois disse que estava com muito medo do pai, que não sabia que ela estava grávida e que não ia aceitar“, informou.

Conforme o delegado, a mulher, que não teve a idade revelada, é integrante de uma família de extrema pobreza. A mãe do bebê contou que descobriu que estava grávida minutos antes do nascimento do filho.

Bebê está internado em hospital em Milagres — Foto: Arquivo pessoal

Ela está negando que sabia que estava grávida. Essa parte eu não acredito, mas ela disse que só foi saber no dia, que sentiu fortes dores e percebeu o sangramento em casa“.
A mulher contou à polícia que se isolou em determinado local, se abaixou e o filho nasceu. “Aí ela disse que do jeito que ele estava, com placenta e cordão umbilical, enrolou em um saco plástico, desceu até uma quadra e colocou em um mato que ficava ao lado”, relatou o delegado.

As informações são do G1 BA

Kleber Medrado

Deixe um comentário